Hello, Adele voltou.

Adele (caso você tenha vivido em Marte nos últimos anos)

Adele

Depois de 4 anos de espera e uma semana de mistério, Adele chega se desculpando pelo que fez ou deixou de fazer (tudo bem, a gente desculpa). Quem já partiu um coração e se sentia rejeitado pelas letras da Adele já pode parar de chorar. Ela mudou de lado.

Em Hello, faz a mea culpa pelos erros que cometeu. Sejam eles com um ex-namorado ou quem sabe até consigo mesma, se quisermos enxergar um monólogo a partir da carta aberta que a cantora publicou no dia 21 (bem humorada, não?).

Carta aberta publicada no dia 21, no Facebook.

Carta aberta publicada no dia 21, no Facebook.

“Meu último disco foi um disco de rompimento e se eu tivesse que rotular esse, eu o chamaria de disco de “fazer as pazes”. Eu estou fazendo as pazes comigo mesma. Fazendo as pazes pelo tempo perdido. Fazendo as pazes por tudo que eu já fiz ou nunca fiz.”

25 é o novo álbum, que será lançado dia 20 de novembro. De acordo com Adele, o último indicando sua idade.

Anúncios

Rayland Baxter e a esperança de bons sons

Depois de muito tempo sem pesquisar novas músicas enterrei novamente a cabeça na busca de algo que colocasse mais cor no horizonte e acabei me deparando com Rayland Baxter.

Rayland Baxter

Rayland Baxter

A pegada country não esconde que ele vem do Tenesse, mas pouco se fala sobre ele ser filho de um instrumentista que já trabalhou com figuras como Bob Dylan, R.E.M. e Ryan Adams.

Em 2012 lançou o album de estreia Feather & Fishhooks. Um ano depois veio o EP Ashkelon, com a ótima Bad Things.

2015 trouxe Imaginary Man e a afirmação de não ser um artista de uma música apenas.

Uma guitarra que chega como uma enxurrada por cima da seca de bons sons, levando embora essa onda eletrônica que, sinceramente, já deu o que tinha que dar.

50 Ways To Say Goodbye, a comédia mexicana do Train.

O drama (comédia?) mexicano de 50 Ways To Say Goodbye

O drama (comédia?) mexicano de 50 Ways To Say Goodbye

Há duas semanas estreou o clipe de 50 Ways To Say Goodbye, single novo do Train. Provavelmente um dos clipes mais idiotas dos últimos tempos, mas bem adequeado para música, que lida com o término de relacionamento de forma bem humorada.

No vídeo o vocalista, que levou o tal pé na bunda, está fazendo compras no supermercado quando encontra com um conhecido (David Hasselhoff, no caso), que pergunta pela namorada dele. Aí então surge um trio mexicano que vai tocando enquanto ele conta as diversas formas como “morreu” a namorada.

Isso porque ele ainda gosta da ex, mas como ela não o quer mais, ele acaba dizendo aos amigos que ela morreu ao invés de falar que foi dispensado. Inicialmente ele conta como ainda está abalado pelo término da relação.

My heart is paralyzed
My head was oversized
I’ll take the high road like I should
You said it’s meant to be
That it’s not you, it’s me
You’re leaving now for my own good 

Então, mesmo que não queira aceitar o fim, ele explica que “Tudo bem, mas que se os amigos perguntarem ele vai dizer…”.

I wanna live a thousand lives with you
I wanna be the one you’re dying to
Love… but you don’t want to

That’s cool, but if my friends ask where you are I’m gonna say
She went down in an airplane
Fried getting suntan
Fell in a cement mixer full of quicksand
Help me, help me, I’m no good at goodbyes!

Afinal, quem nunca ficou de saco cheio de explicar que um namoro acabou?

MP3: Train_50WaysToSayGoodbye

Hanging On – o novo single de Ellie Goulding com Tinie Tempah!

Ellie Goulding no clipe de Holding On

Ellie Goulding no clipe de Hanging On

Um dia depois de liberar o novo single na sua página do SoundCloud, Ellie Goulding lançou também o clipe para sua faixa de trabalho.

Apesar de ser um vídeo cheio de luzes e cores, elementos bem característicos da britânica, ele mostra uma Ellie muito introspectiva. Segundo a cantora, Hanging On marca o início de uma nova fase em sua carreira e ela pretende lançar o próximo álbum ainda em outubro de 2012.

O single é, na verdade, uma versão cover para música do americano Pat Grossi em seu projeto eletrônico Active Child, de 2011.

MP3: EllieGoulding_HangingOn

Saiu o clipe da ótima We R Who We R, da Ke$ha!

 

Ke$ha

Ke$ha

É tosco, é kitsch, é… Tre$ha! Acabou de ser lançado no canal da Vevo da Ke$ha, no YouTube, o clipe do primeiro single do álbum Cannibal: We R Who We R.

Como tem propriedades da Vevo, ele não pode ser visualizado pelo YouTube no Brasil. Como a Ke$ha tem muitos fãs no Brasil, é óbvio que o vídeo já está disponível de outra forma.

A festa de We R Who We R.

A festa de We R Who We R.

A música é super dançante, contagiante, empolgante… para se divertir bastante assistindo, olhe abaixo!

MP3: Kesha_WeRWhoWeR

Vazou The Entertainer, o novo disco da Alesha Dixon!

Capa do disco The Entertainer.

Capa do disco The Entertainer.

Vazou o álbum The Entertainer, terceiro disco da inglesa Alesha Dixon. Ela, que foi uma das minhas boas descobertas de 2009, quando bombava na televisão e nas rádios britânicas com os hits The Boy Does Nothing e Breathe Slow.

Para uma prévia do disco, que estreia no dia 29 de novembro, veja o vídeo abaixo.

DOWNLOAD: AleshaDixon_TheEntertainer

Vazou Endlessly, o segundo disco da inglesa Duffy!

 

Capa do disco Endlessly.

Capa do disco Endlessly.

Vazou hoje o disco Endlessly, da britânica Duffy. Este é o seu segundo álbum, sucessor de Rockferry, o cd de estreia que lhe rendeu prêmios como Grammy, Brit Awards, Q Awards e Ivor Novello, dentre outros.

Um dado curioso sobre o disco é que a composição das músicas foi feita em parceria pela cantora e Albert Hammond, que também leva crédito na produção do álbum. Para quem não sabe, Hammond já trabalhou com artistas como Aretha Franklin e Elton John. Sendo conhecido também por ser pai de Albert Hammond Jr., o guitarrista dos Strokes.

O primeiro single, Well Well Well, teve clipe lançado no início de outubro.

E se você não sabe se baixa ou não o disco, cujo lançamento está marcado para o dia 29 de novembro, aqui vai uma prévia de cada música.

DOWNLOAD: Duffy_Endlessly